Conjuntura Volume de negócios nos serviços abranda pelo segundo mês

Volume de negócios nos serviços abranda pelo segundo mês

O volume de negócios no setor dos serviços cresceu menos de 1% em agosto, depois de ter aumentado 1,7% em julho e 3,2% em junho.
Volume de negócios nos serviços abranda pelo segundo mês
Negócios 14 de outubro de 2019 às 12:06

O setor dos serviços deu sinais de abrandamento no verão, com o aumento do volume de negócios a recuar pelo segundo mês seguido.

 

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística, o índice de volume de negócios nos serviços aumentou 0,8% em agosto face ao mesmo mês do ano passado.

 

Foi o segundo mês seguido de abrandamento, depois do índice ter aumentado 1,7% em julho e 3,2% em junho. A variação mensal (entre agosto e julho deste ano) foi negativa: -0,1%.

 

"O crescimento do índice agregado foi particularmente influenciado pelo desempenho da secção de Transportes e armazenagem, que contribuiu com 0,7 pontos percentuais para a variação do índice total, resultante do crescimento homólogo de 5,3% (6,0% em agosto)", refere a nota do INE, acrescentando que "a secção de Alojamento, restauração e similares teve um contributo de 0,3 p.p., decorrente da taxa de variação de 3,0% (0,7% no mês anterior)".

 

Com o abrandamento dos últimos meses, a taxa de variação dos últimos 12 meses foi positiva em 2,7%, o que representa o crescimento mais baixo do último ano.




Marketing Automation certified by E-GOI