Emprego Acesso a estágios vai depender do local. Veja quantos pontos dá o seu concelho

Acesso a estágios vai depender do local. Veja quantos pontos dá o seu concelho

Os projectos localizados em territórios economicamente desfavorecidos serão beneficiados no acesso a estágios. Veja no mapa quantos pontos reúne cada concelho.

A localização do projecto será o primeiro dos critérios de análise às candidaturas aos 4 mil estágios profissionais financiados pelo IEFP, que abriram esta semana.

É que com uma dotação orçamental limitada – 18,8 milhões de euros – as candidaturas passarão a ser hierarquizadas em função das características e do histórico da empresa.

 

Haverá tectos orçamentais por região. O aviso publicado pelo IEFP revela que a região Norte terá a maior fatia das verbas (7,2 milhões de euros) seguido de Lisboa e Vale do Tejo (6,1 milhões) e do Centro (3,5 milhões de euros). O Alentejo (1,15 milhões) e o Algarve (850 mil euros) terão verbas menores. As Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores não constam nesta lista. 

 

Para ter acesso ao estágio a empresa tem de juntar no mínimo 50 pontos, garantidos por uma lista de critérios, como aqui explicámos em detalhe, que além da localização também avaliam a empregabilidade de estágios anteriores ou a dimensão da empresa.  

 

A localização do projecto de estágio num concelho classificado como economicamente desfavorecido vale 20 pontos; se o concelho estiver acima da média a candidatura terá 12 pontos; e se tiver acima da média terá oito.

 

Confira a pontuação de cada concelho no mapa desenhado pelo Negócios a partir da informação oficial.  

 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI