Impostos Lucro tributável dos setores de risco subiu 69%
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Lucro tributável dos setores de risco subiu 69%

Em cinco anos de e-fatura, a base tributável de cabeleireiros, oficinas e restaurantes subiu a um ritmo mais elevado do que dos restantes setores de atividade económica. Mas os ganhos do combate à fraude fiscal vão além do e-fatura, afirma o Fisco.
Lucro tributável dos setores de risco subiu 69%
Mariline Alves/Cofina

A base tributável dos setores de atividade considerados de risco aumentou 69% desde 2013, quando foi lançado o e-fatura, como um instrumento de combate à fraude e evasão fiscais.

Embora não tenha sido

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI