Elevador Elevador 10 janeiro de 2020
Celso Filipe 10 de janeiro de 2020 às 00:01
Boris Johnson

Com uma maioria absoluta confortável, o primeiro-ministro inglês obteve quinta-feira uma vitória esperada materializada no facto do parlamento ter aprovado na especialidade a proposta de lei que regula o acordo de saída do Reino Unido da UE e abre o caminho para o "Brexit" a 31 de janeiro. O diploma segue agora para a Câmara dos Lordes, mas não se espera que esta coloque obstáculos.

Carlos Ghosn

Sendo inocente até prova em contrário, a verdade é que a fuga do antigo presidente da Renault-Nissan do Japão para o Líbano, dá lastro para que o veredicto da opinião pública o aponte culpado. Agora, as autoridades dos Líbano impediram-no de viajar para outro país, o que na prática o impossibilita de seguir para França de onde já recebeu a promessa de que não seria extraditado. Ou seja, Ghosn continua com o seu destino preso.




Marketing Automation certified by E-GOI