Turismo & Lazer Grupo Sana vai investir 30 milhões para construir hotel no Quartel da Graça

Grupo Sana vai investir 30 milhões para construir hotel no Quartel da Graça

O grupo Sana venceu o concurso para a construção de um hotel de cinco estrelas no Quartel da Graça, em Lisboa, no âmbito do programa Revive. O investimento é de 30 milhões de euros e a abertura está prevista para o final de 2022.
Grupo Sana vai investir 30 milhões para construir hotel no Quartel da Graça
Turismo de Portugal
Pedro Curvelo 18 de outubro de 2019 às 16:37
O grupo Sana venceu o concurso para a construção de um hotel de cinco estrelas no Quartel da Graça, em Lisboa, no âmbito do programa Revive, anunciou esta sexta-feira a Secretaria de Estado do Turismo.

O investimento previsto é de 30 milhões de euros e a renda anual é de 1,79 milhões de euros. A abertura está prevista para o final de 2022. A unidade hoteleira de cinco estrelas terá 120 quartos.

O Quartel da Graça foi o imóvel do programa Revive, que concessiona património degradado e devoluto do Estado para ser explorado em atividades turísticas, que mais interesse despertou, tendo recebido 13 candidaturas, sete das quais passaram à segunda fase. As condições previam a concessão por 50 anos e o pagamento de uma renda anual mínima de 332,6 mil euros, valor largamente superado pela proposta vencedora.

Até ao momento, os dez concursos adjudicados no âmbito do Revive representam um investimento de 98 milhões de euros.

O ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, citado no comunicado, refere que "a adjudicação do concurso relativo ao Quartel da Graça demonstra que o Programa Revive torna possível dar novo uso ao património público, ultrapassando todas as dificuldades históricas associadas a estes processos. Este imóvel será um fator de geração de riqueza e de criação de emprego na cidade de Lisboa".


O Revive conta com 33 imóveis, tendo sido lançados concursos para 19, dos quais dez já foram adjudicados. Recentemente, o Governo anunciou a segunda fase do programa, que contará com mais 15 imóveis.

Os próximos concursos a serem lançados serão os relativos ao Santuário do Cabo Espichel (Sesimbra) e Forte da Barra de Aveiro (Ílhavo).


(Notícia atualizada com mais informação às 16:42)



pub

Marketing Automation certified by E-GOI