Ensino Superior 2019 Ensino superior, para lá dos 23 anos

Ensino superior, para lá dos 23 anos

Tem mais de 23 anos, não concluiu o secundário, mas, ainda assim, gostaria de entrar na universidade? Saiba que mudam algumas regras, mas as portas continuam abertas para o receber.
Ensino superior, para lá dos 23 anos

Poderá ser comum pensar-se que o acesso à universidade está destinado apenas aos jovens estudantes que acabam o ensino secundário. Mas a realidade não é bem esta. Quem tem mais de 23 anos, não concluiu o secundário ou não reúne várias condições de acesso ao ensino superior pode, ainda assim, também tentar uma candidatura e ter resposta positiva.

 


Na verdade, o conceito associado às vagas para maiores de 23 anos vem dar resposta a uma diversidade de público que não é propriamente a que tradicionalmente procura a universidade; falamos aqui de estudantes adultos que, na altura, não tiveram oportunidade de seguir a via superior, de estudar mais cedo ou ainda de alguns diplomados que procuram uma reconversão profissional.

 

 

Este tipo de vagas está disponível para todos eles, sendo que as provas diferem um tudo-nada daquelas que devem ser prestadas pelos habituais candidatos à universidade, a cada novo concurso. Assim sendo, as Provas Especiais de Acesso para maiores de 23 anos têm como objetivo último assegurar uma avaliação da capacidade de cada candidato à frequência do ensino superior.

 

 

Os candidatos devem ainda garantir que não dispõem já de habilitação de acesso para o curso pretendido e não têm também aprovação ao nível dos exames nacionais que se constituem como provas de ingresso para o curso pretendido no momento em que estão a apresentar a respetiva candidatura, ou nos dois anos imediatamente anteriores.

De uma maneira geral, todas as instituições de ensino superior a atuar no mercado nacional, sejam elas públicas ou privadas, dispõem de oferta neste âmbito e vagas para acolherem estudantes com mais de 23 anos.


O que deve saber antes de concorrer

As regras de Acesso para Maiores de 23 anos podem mudar ligeiramente de acordo com a instituição de ensino à qual se está a candidatar, mas, habitualmente, integram as seguintes vertentes:

. Apreciação do currículo escolar e profissional do candidato, através da apresentação de um CV devidamente atualizado;
. Apreciação de um questionário que deverá ser preenchido no momento da prova escrita;
. Avaliação, por via de uma prova escrita, a realizar presencialmente, numa disciplina à escolha do candidato, mas tendo em consideração o curso ao qual se pretende candidatar.




Marketing Automation certified by E-GOI