Recuperação e Gestão de Crédito Um mundo de vantagens

Um mundo de vantagens

Processos mais céleres em tribunal, criação e manutenção de postos de trabalho, contributo decisivo para a economia nacional. Eis alguns dos benefícios das empresas de gestão e recuperação de crédito em Portugal.
Um mundo de vantagens

O setor da gestão e recuperação de crédito ajuda a banca a limpar o crédito malparado. As empresas que operam nesta área de negócio vão, no entanto, além da recuperação de créditos. Empregam, tiram trabalho aos tribunais, o que resulta numa justiça mais rápida, fazem faturação de diversas organizações, entre outros serviços. Todavia, para saber exatamente em que estado se encontra a gestão e recuperação de créditos em Portugal foram colocadas algumas questões a quem toma o pulso desta atividade diariamente.

 

Assim, João Ferreira, diretor-geral da Debtges, afirma que esta é uma indústria onde, atualmente, "proliferam empresas multinacionais com grande envergadura, grande parte das quais dedicadas à compra e gestão de carteiras de crédito, e que, em média, têm uma postura de grande rigor e ética na sua atuação, apesar de alguma especulação em contrário". Para o responsável da Debtges, o que continua a ser um grande handicap para o setor é a "ausência de regulamentação da atividade, apesar de todos os esforços dos operadores, em particular da APERC".

 

Explique-se que a APERC – Associação Portuguesa de Empresas de Gestão e Recuperação de Créditos – reúne mais de 20 associados e representa mais de 1450 postos de trabalho. Tem como principais objetivos credibilizar os serviços de gestão de cobranças e recuperação de créditos em Portugal, divulgar e promover a atividade, organizar debates, proporcionar contactos com congéneres estrangeiras e não só.

 

António Bastos, advogado da Camacho Nunes Recuperação de Crédito, refere que este setor se encontra "em crescimento", sendo que ainda é necessário "um incremento de informação em termos da atividade desenvolvida e da sua legalidade deste tipo de sociedades de recuperação de créditos".

 

O futuro

 

Para melhorar precisamente este setor, tendo em vista o presente e o futuro, é necessária mais exposição, acredita António Bastos. "O céu é o limite...Este setor necessita de maior divulgação e acreditação por parte das entidades da tutela e ordens profissionais, pois tudo ocorre no estrito cumprimento da lei. O setor dos media e redes sociais podem auxiliar nesta tarefa, sendo que o futuro pertence a este tipo de sociedades, permitindo uma redução de processos judiciais e, em consequência, de custos a eles inerentes", garante o advogado.

 

Segundo João Ferreira, da Debtges, é fundamental "regulamentar a atividade", o que tem sido esquecido pelos diversos governos ao longo dos anos. Os maiores desafios para o futuro passam pela "evolução tecnológica que tem acelerado as necessidades de investimento das empresas do setor e continuar a criar condições de atração de RH de qualidade que são a base de qualquer negócio", prossegue.

 

Uma indústria importante

 

Sobre as vantagens para o mercado e para a economia nacional que apresentam as empresas de gestão e recuperação de crédito, o diretor-geral da Debtges começa por apontar, antes de mais, o emprego: "entre os 24 associados empregamos cerca de 1500 funcionários, gerimos um total de 14 mil milhões de euros de dívidas e somos responsáveis pelo pagamento 11 milhões de euros em impostos". Em termos mais genéricos, as empresas que compõem esta indústria "contribuem para uma redução do volume de processos em tribunal, um encurtamento do prazo de recebimento das empresas e uma redução do nível de incumprimento na economia. Consequentemente, contribuem ainda para um aumento da confiança dos investidores no país".

 

Já António Bastos, da Camacho Nunes Recuperação de Crédito, fala em "rentabilidade, movimentação de capitais, certificação de qualidade, criação e manutenção de postos de trabalho, planos de negócios, técnicas de gestão do tempo e do trabalho e disponibilidade para os clientes".




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI