Cronista
Jorge Marrão Gestor
Jorge Marrão Uma nova social-democracia: o centro como fragilidade do regime 09.09.2019 Jorge Marrão
Um regime político que não estimule as alternativas numa linha de continuidade de esquerda e direita, sem uso dos extremos, é substancialmente frágil. A direita em Portugal foi sempre moderada, e a esquerda sempre perturbadora do modelo europeu.
Jorge Marrão A falência disto tudo 12.08.2019 Jorge Marrão 226
A seriedade e a gravidade salazarista perderam-se na névoa democrática, mas o vírus estatal resistiu. A concentração de poder e de recursos no Estado gerou uma cultura de corrupção.
Jorge Marrão O que fazer e o que se fez na direita 23.07.2019 Jorge Marrão
O espaço alternativo ao poder instalado do PS e partidos apoiantes da fórmula governativa errou no diagnóstico das condições políticas para a viragem reformista que o país precisa e nas fórmulas para ganhar as próximas eleições.
Jorge Marrão Churchill, De Gaulle e Jean Monnet estavam certos! 08.07.2019 Jorge Marrão 55
As políticas de esquerda, privilegiando a falsa igualdade do desenvolvimento social a qualquer custo, em detrimento da liberdade futura e da crescente tirania fiscal, aprisionaram o nosso futuro.
Jorge Marrão O Estado corruptor 20.05.2019 Jorge Marrão
A história fará o seu julgamento, porque os atores atuais têm outros assuntos com que nos entreter. Até lá vamos aproveitar a vitória do Benfica (declaração de interesses: sou benfiquista).
Jorge Marrão Estão a ir longe de mais? 15.05.2019 Jorge Marrão
Como vão os eleitorados reagir às posições naturais de esquerdas tomadas por partidos de direita, e às decisões de uma agenda de direita tomadas por partidos de esquerda?
Jorge Marrão A negação do poder e do Estado 09.05.2019 Jorge Marrão 41
sabemos que só a adversidade nos obriga a mudar, ou um Governo que não se negue a construir um Estado inteligente para o séc. XXI. Este Estado constitucional tornou-se bafiento e geracionalmente irresponsável.
Jorge Marrão As famílias socialistas redistributivas 08.04.2019 Jorge Marrão 90
As elites (mais poderosos) e as redes de influência portuguesas, ao invés de se concentrarem na sua função reguladora e equilibrada da sociedade, dedicaram-se à concentração do seu poder e dos seus recursos em articulação com os "establishments" partidários.
Jorge Marrão Quem julga a política? 18.03.2019 Jorge Marrão 67
A esperança para os que têm fobia do poder pelo poder é fabricar "geringonçadas" europeias, nacionais, e já agora a do Parlamento britânico do Brexit, para se obter uma nova normalidade.
Jorge Marrão Coletes amarelos portugueses 27.02.2019 Jorge Marrão
Se ainda acreditarem que há alguém que produz moeda (só pode ser falsa) para os seus legítimos anseios, bem podem fazer greves, com ou sem "crowdfunding", que nada lhes servirá.

Marketing Automation certified by E-GOI