António José Teixeira Fragilidades e redução de danos 13:00 António José Teixeira
A remodelação reforçou o centro político do Governo. De um lado Mário Centeno a controlar o Orçamento, do outro António Costa em campanha. Equilíbrios difíceis, mas mais tracção governamental, enquanto sopram tempestades em várias periferias.
Manuel Falcão O trauliteirismo remodelativo 10:48 Manuel Falcão
Tancos ainda não acabou. Depois do Governo, vem a remodelação militar. O chefe do Estado-Maior do Exército mandou uma mensagem às tropas a dizer que se ia embora porque "as circunstâncias políticas assim o exigiam"
Ontem
Fernando Sobral A nossa eterna dívida 18.10.2018 Fernando Sobral
Mudou-se o século e as vendas passaram a ser das empresas públicas e do imobiliário público. Agora resta pouco. Só sobra a dívida colossal e os juros dos empréstimos. Ou seja, nada se transforma realmente em Portugal.
Camilo Lourenço Da trapaça em política  18.10.2018 Camilo Lourenço 348
O Bloco não gostou da trapaça de Centeno e Costa? Tem bom remédio: chumbe o orçamento! Até para não ficarmos todos a pensar que foi tudo combinado com o Governo.
Armando Esteves Pereira O orçamento do equilibrismo político  18.10.2018 Armando Esteves Pereira
O Orçamento do Estado para 2019 é um exercício notável de equilibrismo político, que aproveita a bolina do crescimento económico e das baixas taxas de juro para reduzir o défice, aumentar salários e pensões e mais algumas medidas que rendem votos.
Fernando Ilharco Os líderes introvertidos 18.10.2018 Fernando Ilharco
A extroversão, o ser sociável, aberto e gostar de estar em grupo, tem sido apontada como um traço de personalidade que facilita a liderança. No entanto, há muito que a personalidade, em si mesma, foi afastada como explicação cabal para a liderança eficaz. Depende.
Bruno Faria Lopes A direita está perdida no labirinto de Centeno 18.10.2018 Bruno Faria Lopes
PSD e CDS querem menos IRS, mais progressões para professores, menos impostos indirectos, mais para a Saúde, mais investimento – tudo enquanto, nas palavras de Rui Rio, se consegue um “pequeno excedente orçamental”.
João Borges Assunção Um orçamento inócuo 18.10.2018 João Borges de Assunção
Numa primeira leitura rápida dos documentos do OE 2019, o maior agravamento da despesa, em termos líquidos, resulta do descongelamento das carreiras na função pública que custará 274 milhões de euros.
Anteontem
Jorge Fonseca de Almeida Como Gaza pode ser o futuro que nos espera 17.10.2018 Jorge Fonseca de Almeida 99
Ao analisar a sociedade atual, Mbembe identifica grandes linhas de tendência. Vou aqui destacar duas que estão interligadas: a fronteirização e o Governo pelo abandono.
Camilo Lourenço Queremos ser ricos? "Previsibilidade" e "estabilidade"!!! 17.10.2018 Camilo Lourenço 237
Centeno e Costa não percebem nada de dinâmica empresarial. As empresas não querem que se tire aqui para dar ali. Querem estabilidade e previsibilidade. Isto não vem nos manuais?