Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN
Manuel Esteves
Manuel Esteves 27 de janeiro de 2019 às 23:00

Reformados de elite

Há boas razões para aumentar a idade-limite para se trabalhar no Estado, mas quando essa possibilidade fica dependente da aprovação do Governo, então há motivo para preocupação. Sobretudo quando se abre a porta a pagamentos que superam a pensão que o reformado receberia.

Na próxima sexta-feira entra em vigor o decreto-lei do Governo que alarga dos 70 aos 75 anos o limite etário para trabalhar no Estado. Este decreto-lei, que resulta de uma resolução do CDS de 2016, aprovada com os votos do

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês
Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI