Há 1 mês
Nuno Carregueiro Lagarde fica sem bazuca 12.09.2019 Nuno Carregueiro
Nos oito anos de mandato que estão prestes a terminar, Draghi destacou-se sobretudo pela capacidade de surpreender. A menos que avance com medidas não convencionais mais radicais, a margem de manobra de Lagarde para lançar uma bazuca agora é bem mais estreita.
08.08.2019
Manuel Esteves Serviços máximos eleitorais 08.08.2019 Manuel Esteves
Encorajado pelo apoio popular e pelos possíveis ganhos eleitorais, António Costa enveredou pela via mais radical para responder aos motoristas. Nem os consumidores ficaram mais tranquilos, acorrendo em massa às bombas de gasolina, nem os sindicatos deram sinais de desmobilização.
01.08.2019
Nuno Carregueiro Recessão? Então compra 01.08.2019 Nuno Carregueiro
Como disse recentemente um banqueiro que se queixava da atual política monetária, "conseguimos aguentar algum tempo debaixo de água, mas não podemos viver lá para sempre".
25.07.2019
Nuno Carregueiro O caminho ainda tortuoso dos bancos 25.07.2019 Nuno Carregueiro
Da próxima vez que o seu banco aumentar as comissões, talvez seja mais justo insultar alguém no BCE, em vez de Paulo Macedo, Miguel Maya ou qualquer outro CEO.  
18.07.2019
Nuno Carregueiro O buraco negro e as bolhas 18.07.2019 Nuno Carregueiro
Greenspan foi eficaz a impulsionar a economia norte-americana na ressaca da crise das "dotcom" em 2000. Tal como Draghi a tirar a Europa do fundo do poço em que se encontrava em 2011.
20.12.2018
Manuel Esteves O PS que se cuide 20.12.2018 Manuel Esteves 122
Anda alguma coisa no ar. A brisa optimista que soprava em Portugal deu lugar a um vento irregular, que vira de direcção tão depressa como muda de intensidade. O país está melhor do que há três anos, sem dúvida, mas o problema é que devia estar muito melhor. E os portugueses mostram-se agora mais impacientes.
25.10.2018
Editorial Brasil: a escolha de quem não escolhe 25.10.2018 Manuel Esteves 160
Três em cada quatro pessoas que falam português vivem no Brasil. São mais de 200 milhões que estão à beira de ser governados por um fascista. Quem não vê nisto uma tragédia e se recusa a escolher está, na realidade, a fazer a pior escolha possível. É o caso de Assunção Cristas.
18.10.2018
Editorial Reformas adiadas 18.10.2018 Manuel Esteves 22
O ministro do Trabalho anunciou, como se de um pormenor se tratasse, que centenas de milhares de pessoas vão ter de trabalhar mais anos para se poderem reformar. O primeiro-ministro não está preocupado e parece achar que a estabilidade só é importante para as empresas, não para as pessoas. Quanto ao Bloco e ao PCP fica a pergunta: foram enganados ou deixaram-se enganar?
18.10.2018
Manuel Esteves Não há festa como esta 06.09.2018 Manuel Esteves
O silêncio do PCP não se percebe e não deixa perceber. Organiza uma festa de angariação de fundos que dá prejuízo anos a fio. Não há mesmo festa como esta, por todas as razões e mais esta.
26.07.2018
Editorial O Facebook e a Jerónimo Martins 26.07.2018 Nuno Carregueiro
A actividade do Facebook nada tem a ver com o negócio da Jerónimo Martins e as duas empresas estão em geografias bem distintas. Mas há pontos em comum e que ajudam a explicar a reacção negativa das acções

Marketing Automation certified by E-GOI