Ontem
António José Teixeira Fragilidades e redução de danos 19.10.2018 António José Teixeira
A remodelação reforçou o centro político do Governo. De um lado Mário Centeno a controlar o Orçamento, do outro António Costa em campanha. Equilíbrios difíceis, mas mais tracção governamental, enquanto sopram tempestades em várias periferias.
Manuel Falcão O trauliteirismo remodelativo 19.10.2018 Manuel Falcão
Tancos ainda não acabou. Depois do Governo, vem a remodelação militar. O chefe do Estado-Maior do Exército mandou uma mensagem às tropas a dizer que se ia embora porque "as circunstâncias políticas assim o exigiam"
Anteontem
Editorial Reformas adiadas 18.10.2018 Manuel Esteves
O ministro do Trabalho anunciou, como se de um pormenor se tratasse, que centenas de milhares de pessoas vão ter de trabalhar mais anos para se poderem reformar. O primeiro-ministro não está preocupado e parece achar que a estabilidade só é importante para as empresas, não para as pessoas. Quanto ao Bloco e ao PCP fica a pergunta: foram enganados ou deixaram-se enganar?
Fernando Sobral A nossa eterna dívida 18.10.2018 Fernando Sobral
Mudou-se o século e as vendas passaram a ser das empresas públicas e do imobiliário público. Agora resta pouco. Só sobra a dívida colossal e os juros dos empréstimos. Ou seja, nada se transforma realmente em Portugal.
Camilo Lourenço Da trapaça em política  18.10.2018 Camilo Lourenço 385
O Bloco não gostou da trapaça de Centeno e Costa? Tem bom remédio: chumbe o orçamento! Até para não ficarmos todos a pensar que foi tudo combinado com o Governo.
Armando Esteves Pereira O orçamento do equilibrismo político  18.10.2018 Armando Esteves Pereira
O Orçamento do Estado para 2019 é um exercício notável de equilibrismo político, que aproveita a bolina do crescimento económico e das baixas taxas de juro para reduzir o défice, aumentar salários e pensões e mais algumas medidas que rendem votos.
Fernando Ilharco Os líderes introvertidos 18.10.2018 Fernando Ilharco
A extroversão, o ser sociável, aberto e gostar de estar em grupo, tem sido apontada como um traço de personalidade que facilita a liderança. No entanto, há muito que a personalidade, em si mesma, foi afastada como explicação cabal para a liderança eficaz. Depende.
Bruno Faria Lopes A direita está perdida no labirinto de Centeno 18.10.2018 Bruno Faria Lopes
PSD e CDS querem menos IRS, mais progressões para professores, menos impostos indirectos, mais para a Saúde, mais investimento – tudo enquanto, nas palavras de Rui Rio, se consegue um “pequeno excedente orçamental”.
Sessão de Abertura Nem só de ETF vive a gestão de activos  18.10.2018 Patrícia Abreu
Escolher os investimentos certeiros para garantir retornos é o grande desafio. E tal só é possível com a gestão activa. E a Invesco sabe disso.
João Borges Assunção Um orçamento inócuo 18.10.2018 João Borges de Assunção
Numa primeira leitura rápida dos documentos do OE 2019, o maior agravamento da despesa, em termos líquidos, resulta do descongelamento das carreiras na função pública que custará 274 milhões de euros.
Economistas A charada do comércio norte-americano de Trump 18.10.2018 Anne Krueger
Há boas razões para acreditar que a renegociação de Trump causou danos sérios. Mais importante ainda, outros governos vão agora questionar-se porque é que hão-de negociar com um país que rompe acordos estabelecidos à vontade.
Opinião Dados roubados, trancas à porta 18.10.2018 Sofia Riço Calado 97
As empresas ou os serviços públicos têm 72 horas para notificar a CNPD, logo que saibam de uma situação de violação de dados pessoais.
Jorge Fonseca de Almeida Como Gaza pode ser o futuro que nos espera 17.10.2018 Jorge Fonseca de Almeida 99
Ao analisar a sociedade atual, Mbembe identifica grandes linhas de tendência. Vou aqui destacar duas que estão interligadas: a fronteirização e o Governo pelo abandono.
André Veríssimo Itália? É só fazer as contas 17.10.2018 André Veríssimo
Em política fazem-se discursos com representações interessadas da realidade, quando não meras representações. Mais cedo ou mais tarde, a realidade acaba por apanhar a política. Em Itália não será diferente.
Camilo Lourenço Queremos ser ricos? "Previsibilidade" e "estabilidade"!!! 17.10.2018 Camilo Lourenço 243
Centeno e Costa não percebem nada de dinâmica empresarial. As empresas não querem que se tire aqui para dar ali. Querem estabilidade e previsibilidade. Isto não vem nos manuais?
Ramon O’Callaghan O advento da economia partilhada 17.10.2018 Ramon O’Callaghan
Serviços como a Airbnb ou a Lyft tornaram-se tão bem-sucedidos porque se concentraram na criação de plataformas nas quais as pessoas se sentem seguras e protegidas.