Automóveis Nissan Juke-R 2.0, 600cv - máquina infernal!

Nissan Juke-R 2.0, 600cv - máquina infernal!

Falar dos "crossovers" da Nissan e não referir a nova versão 2.0 do Juke-R seria quase um sacrilégio
Adriano Oliveira 24 de outubro de 2015 às 12:00
Falar dos "crossovers" da Nissan e não referir a nova versão 2.0 do Juke-R seria quase um sacrilégio, tanto mais que a marca japonesa, para animar os espíritos e terminar em apoteose a apresentação da sua gama "crossover" em França, deixou nas mãos dos jornalistas esta máquina infernal de 600cv de potência, fruto de um casamento improvável, o do pequeno Juke com o GT-R Nismo.

O local escolhido para os testes foi a pista do aeródromo de Megève, num percurso aí desenhado, onde pudemos apreciar algumas das principais características do modelo, em especial o efeito catapulta das muito fortes acelerações, as exigentes travagens e o comportamento em curva. Pena que o ensaio tenha sabido a pouco!

Apresentado este ano no Festival de Velocidade de Goodwood, o Nissan Juke -R 2.0 oferece no interior o ambiente de uma máquina de competição, com apenas dois lugares e onde não faltam as "baquets" Recaro com cintos de segurança de seis pontos e arcos metálicos de protecção.

A aparência exterior é muito radical. A carroçaria é um pouco mais larga que o modelo de série e a distância ao solo bastante diminuída, mas assente numa base em carbono, com suspensões específicas e pneus de grande dimensão.

As várias melhorias em termos de design incluem novos pára-choques dianteiro e traseiro em fibra de carbono com entradas de ar aumentadas em mais de 100 por cento para corresponder às necessidades de refrigeração.

Atrás, há um novo difusor para melhorar a aerodinâmica e capas de exaustão de carbono para temperaturas elevadas. O portão da bagageira ostenta novos "winglets" de para suavizar o fluxo de ar e auxiliar a força descendente.

O motor a gasolina é o mesmo que equipa o Nissan GT-R Nismo, ou seja, um V6 biturbo de 3.8 litros que debita 600cv de potência, ou seja, mais 105cv que a primeira geração. Está associado a uma tracção integral e cumpre os tradicionais 0-100km/h em 3,5 segundos, para uma velocidade máxima da ordem dos 270km/h.

O Juke-R 2.0 deverá ser produzido em edição muito limitada (25 unidades) e o preço indicativo rondará os 500 mil euros.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI